Elon Musk vende mais de US$ 3,5 bilhões em ações da Tesla

Pela segunda vez, desde que comprou o Twitter, Elon Musk vendeu ações da Tesla, a mais valiosa companhia de veículos do mundo. Nesta semana, ele vendeu US$ 3,5 bilhões em ações da Tesla.

A fabricante de veículos elétricos já perdeu mais de US$ 700 bilhões em capitalização de mercado desde novembro de 2021, quando o preço de suas ações atingiu o pico. E desde essa data, Musk se desfez de mais de US$ 39 bilhões em ações da Tesla.

Leia mais: Governo libera crédito de R$ 7,5 bilhões para Previdência Social

Ainda não está claro o que motivou Musk a vender mais um lote de ações da Tesla. Na terça-feira 13, em uma postagem no Twitter, escreveu: “Sob o risco de afirmar o óbvio, tenha cuidado com dívidas em condições macroeconômicas turbulentas, principalmente quando o Fed segue aumentando juros.”

Na quarta-feira, as ações da Tesla fecharam em baixa de 2,58%, a US$ 156,80 cada papel, atingindo o menor nível em mais de dois anos. Desde o início de 2022, as ações da Tesla apresentam queda em torno de 55%, bem maior do que a perda de 29% que o Nasdaq — índice majoritariamente formado por ações de tecnologia — acumula este ano.

Quando vendeu o primeiro lote de ações depois da compra do Twitter, em novembro, vendeu US$ 4 bilhões em ações da Tesla, com objetivo de investir na plataforma de mídia social.

Fonte: Revista Oeste*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

INOX METAL

Categorias

Redes Sociais

CLIMA TEMPO

SEMI-JOIAS