Jogador paraense é executado em frente à escola de Ananindeua, no Pará

O jogador paraense David da Silva Pereira, conhecido como Davi Caça Rato, foi morto a tiros em frente a uma escola no bairro do Coqueiro, em Ananindeua, na região metropolitana de Belém. A vítima estava de moto quando foi alvejada no meio da rua na tarde desta quinta-feira (12).

Davi tinha 34 anos, atuava como lateral-direito e passou por vários clubes paraenses, como o Bragantino Clube do Pará, Carajás, Independente de Tucuruí, Ypiranga-AP, Imperatriz, Bragantino-PA e Grêmio Carajás, último clube dele em 2022.

Em nota, o Bragantino Clube do Pará divulgou uma nota “lamentando profundamente a morte do seu ex atleta, Davi da Silva Pereira, conhecido como Davi Caça Rato, rogamos ao pai celestial que conforte os familiares e amigos”.

Segundo a Polícia, o crime foi na travessa SN 3, entre a tv. WE 26 e WE 25, em frente a um colégio. A perícia científica e policiais civis foram acionados para o local. Ninguém foi preso e a motivação do homicídio ainda está sob investigação.

A Polícia Civil informou que o caso é investigado pela Divisão de Homicídios e que perícias foram solicitadas para auxiliar na apuração.

Denúncias que ajudem na identificação de suspeitos podem ser feitas pelo número 181.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

INOX METAL

Categorias

Redes Sociais

CLIMA TEMPO

SEMI-JOIAS